domingo, 6 de abril de 2014

Cine Doroteu - Alemão

ALEMÃO * * *
[Idem, BRA, 2014]
Ação - 109 min

José Eduardo Belmonte entrega um western urbano, sólido, urgente, com referências que vão de "12 Homens e uma Sentença" [1957] a "Onde Começa o Inferno” [1959]. Pode-se dizer que dá o pontapé inicial ao bom cinema brasileiro de 2014, curiosamente junto também com as estreias nas quintas-feiras [será que funciona mesmo?].

Gosto do trabalho do brasiliense Belmonte. “A Concepção”, de 2005, é um dos meus filmes nacionais favoritos da década passada. Agora ele lança seu primeiro grande filme comercial, passado nos dias que antecedem a tomada do Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro, pelas Forças Armadas, em novembro de 2010. Cinco policiais disfarçados são descobertos pelo traficante Playboy [Cauã Reymond] e se escondem numa pizzaria. Precisam resistir e salvar a missão.


É uma boa história, sem dúvida, narrada com certa intensidade sobre um elenco esforçado. Até Caio Blat, geralmente ruim, cheio de maneirismos, não ameaça estragar a experiência, assim como Antônio Fagundes se sai melhor do que na televisão.

A trama de confinamento e cerco ecoa em certos momentos “Cães de Aluguel”, de Tarantino, a desconfiança entre eles; em outros está mais para “Assalto à 13ª DP”, de John Carpenter. O certo é que ninguém escapa da linha de fogo no tiroteio final. Nem mesmo o espectador. Um bom respiro das comédias da Globo Filmes. Quem dera fosse mais assim – e menos assado.

Monteiro Júnior

Péssimo * Desastroso * ½ Fraco * * Assistível * * ½ Sólido * * * Acima da média * * * ½ Ótimo * * * * Quase lá * * * * ½ Excelente * * * * *




Seja o primeiro a comentar.

Postar um comentário