terça-feira, 2 de outubro de 2012

Projeto "Autoral em Destaque" - Banda Bulldog Jack

Banda Bulldog Jack

Ricardo Braga e João Macêdo trabalham juntos desde 2009. Além da profissão em comum, os dois compartilham de gosto musical semelhante, o qual vai do blues raiz de Charley Patton e Robert Jonhson, passando pelo som de Chicago, até o blues mais rock and roll do Texas e estilos mais agressivos e viscerais como os de Johhny Winter e Canned Heat. 

No começo de 2011, com Ricardo na guitarra/vocais, João Macêdo no contrabaixo/vocais, e a bateria por conta de Daniel Saraiva, primo de Ricardo, os três começaram a “tirar” alguns clássicos do blues rock. Faziam parte do repertório covers de artistas como ZZ Top, Gary Moore, Jeff Healey, Freddie King, SRV, Canned Heat, Lynyrd Skynyrd, Howling Wolf, Muddy Waters e Celso Blues Boy. Ricardo já era guitarrista de outra banda cover, e se apresentava com certa frequência na noite de Teresina, somando-se isso à ocupação profissional e à correria pessoal de cada um dos componentes, os ensaios com a banda de blues rock ficaram comprometidos. 

Foi quando, numa dessas confraternizações regadas a etílicos variados e ao som de blues e do bom e velho rock and roll, Ricardo e João compuseram um blues em português e, na mesma hora, utilizando a conhecida escala pentablues, musicaram a letra. Dali em diante, decidiram retomar definitiva e seriamente a proposta do power trio de blues rock. Passaram a compor letras em português com as temáticas mais comuns do rock e blues clássicos: bebedeiras, aventuras e desventuras, mulheres, encontros e desencontros. Surge então a banda Bulldog Jack, nome que faz alusão a um filme da década de 30. 

Depois de ajustarem as músicas, decidiram partir para a gravação de um cd, o qual está na fase final de estúdio. O disco possui 11 faixas que tem uma pegada variada, desde o blues rock, experimentando um pouco de boogie, até o clássico rockabilly. Com letras e arranjos simples como os primeiros “rocks” descendentes do blues, o disco conta com João Macêdo no contrabaixo/vocal/gaita, Daniel Saraiva na bateria, participação de Rodrigo Manga nos teclados, e Ricardo Braga no vocal e em todas as faixas de guitarra. Já nos ensaios ao vivo, a guitarra base fica por conta do multi-instrumentista Jayro Santana. Este tem que ser multi-instrumentista mesmo, pois em algumas músicas o baixista João Macêdo ataca de gaitista e vocalista, aí os graves ficam por conta de Jayro. 

 Mesmo com o dia a dia profissional e pessoal bastante corrido, os componentes do Bulldog Jack vão conseguindo chegar aos ajustes finais e entrosamento necessários para as apresentações, nas quais prometem um repertório de rock e blues animado e empolgante, pra libertar o espírito das frustrações diárias e remeter a bons momentos. As três músicas de amostra fazem parte do repertório do disco: Zé Gatão é um “rockão” acalorado que fala de um cara que se acha o tal; Jaqueline sem J foi composta por João, e conta a história de como conheceu sua esposa; Correntes e Cadeados é um blues rock mais melódico, com o pequeno incremento da gaita. Aí está: Bulldog Jack. Até breve!!!




1 Comentário

Postar um comentário