Pesquisar neste blog

https://1.bp.blogspot.com/-rBKwDq3-vQc/WVyEm-wwGtI/AAAAAAAAniA/Amp1A1qWsp4Qg43lgdnbkbrRfcZ0XBZiACLcBGAs/s1600/3.jpg    Os eventos e promoções estão sendo colocados no instagram
Grupo no Facebook               Grupo no Telegram               Grupos no Whatsapp

terça-feira, 8 de setembro de 2020

Disco de Valciãn Calixto é destaque no Palco MP3 e artista entra para TOP 5 dos mais ouvidos em Teresina

Grande dia para a música piauiense, em especial para Valciãn Calixto. Seu segundo disco, Nada Tem Sido Fácil Tampouco Impossível, é destaque desta terça-feira (08) no Palco MP3 em quatro estilos: Axé, Alternativo, World Music e Experimental.⁣

 ⁣


O disco, que tem dez músicas, cada uma apresentando um ritmo diferente, foi lançado no último 17 de agosto e três dias depois o músico foi convidado pela equipe do Palco MP3 a criar do zero um perfil de artista na plataforma para disponibilizar o trabalho.⁣

 ⁣

Com isso, em apenas 17 dias, o Nada Tem Sido Fácil Tampouco Impossível já possui mais de 6.100 audições, além disso, duas canções estão entre as dez mais tocadas em Teresina, são elas Deus É Bom (O Tempo Todo), que tem participação do guitarrista baiano Jotaerre, e Ensinamentos da Preta Velha Vovó Maria Conga, com participação de Juliana D Passos, do Canal Macumbaria.⁣

 ⁣

Valciãn Calixto também aparece no TOP 5 dos artistas mais ouvidos na capital, ficando atrás de nomes consagrados como Paulynho Paixão, Walkiria Estarley e  Francis Lopes.⁣

 ⁣

Além do destaque, o álbum de Valciãn ganhou uma resenha no blog do Palco MP3, que traz comentários positivos sobre as principais faixas do Nada Tem Sido Fácil Tampouco Impossível.⁣

Para ouvir e baixar o disco, basta clicar no endereço a seguir: https://www.palcomp3.com.br/valciancalixto/.⁣

 ⁣

PALCO MP3

Com 16 anos de história, o Palco MP3 é a maior serviço de divulgação de música no Brasil. São mais de 116 mil artistas publicados, 1 milhão de músicas divulgadas e mais de 8 bilhões de plays. 

segunda-feira, 17 de agosto de 2020

Valcian Calixto lança seu segundo disco "Nada Tem Sido Fácil Tampouco Impossível"

"Nada Tem Sido Fácil Tampouco Impossível" é o segundo disco do piauiense Valciãn Calixto, lançado a 17 de agosto de 2020, quando se comemora o dia do Exu Tranca Ruas, que aparece sugestivamente na capa.

 Funk, Axé, Swingueira, Capoeira e Xote são algumas das sonoridades brasileiras mescladas a ritmos como Salsa e Balada no álbum. 

 

Sendo o Brasil um país tão rico em manifestações culturais, o músico trouxe essa diversidade ao segundo disco para que as canções alcancem mais pessoas, que, mesmo morando nos lugares mais afastados do globo, estarão unidas pela musicalidade do artista.

 O trabalho conta com participações especiais de Julia Barth (Rio Grande do Sul), Jotaerre (Bahia), Jeza da Pedra (Rio de Janeiro) e Juliana D Passos (Santa Catarina), abrindo pontes e conexões com o Piauí, além de misturas rítmicas e experimentações sonoras.

Tem ainda a percussão de Marciano Calixto em Deus É Bom (O Tempo Todo) e o baixo de Marlúcio Calixto em Ensinamentos da Preta Velha Vovó Maria Conga, ambos irmãos de Valciãn. Nada Tem Sido Fácil Tampouco Impossível é um naco de Brasil.

Confira o vídeo:

domingo, 26 de julho de 2020

Valciãn Calixto lança clipe e homenageia vó Maria Conga, líder quilombola que virou falangeira na Umbanda

Música tem participação da cantora Juliana D Passos, do canal de axé Macumbaria


O piauiense Valciãn Calixto inicia a semana com mais um single do seu próximo disco. ‘Ensinamentos da Preta Velha Vovó Maria Conga’ é a canção de encerramento do álbum Nada Tem Sido Fácil Tampouco Impossível, que tem previsão de lançamento para o dia 17 de agosto.


A música, que traz no título o nome de uma entidade da Umbanda, religião que Valciãn professa, conta com participação de Juliana D Passos, de Santa Catarina. A cantora está à frente do Macumbaria, projeto de inclusão social das religiões de matriz africana, da cultura negra, do folclore e tudo que a envolva.

Ao lado de Jotaerre, da Bahia e de Jeza da Pedra, do Rio de Janeiro, Juliana é a terceira convidada já apresentada através de singles desse novo trabalho que Valciãn vem mostrando aos poucos. O álbum trará ainda mais uma participação especial abrindo pontes e conexões com o Piauí, além de misturas rítmicas e experimentações sonoras.

Na canção lançada neste domingo (26), Valciãn interpreta um médium que recebe um aprendizado repassado pela preta velha Vó Maria Conga, que ganha voz e vida através da interpretação de Juliana D Passos.

Vovó Maria Conga

Maria Conga nasceu em 1792 e foi trazida à força do continente africano para o Brasil com oito anos de idade, junto de seus pais e irmãos. Ela atracou na Bahia, onde foi separada pelo resto da vida de sua família e batizada com o nome cristão Maria da Conceição. De lá foi levada para Magé, no Rio de Janeiro, onde foi vendida duas vezes.

Aos 35 anos ganhou a liberdade e decidiu assumir o compromisso de lutar por seu povo. Abandonou a fazenda onde vivia e fundou um quilombo em Magé. Perseguida por dar guarida aos escravos foragidos, Maria Conga ajudou a fundar vários outros quilombos na região da Baixada Fluminense e nunca chegou a ser capturada.


Além de líder dos negros, ela era parteira, doutora em ervas e defensora da autoestima negra. Faleceu aos 103 anos no ano de 1895 sem reencontrar sua família. No Centenário da Lei Áurea, em 1988, foi proclamada pela prefeitura de Magé a heroína da cidade.

Em 2007 o Ministério da Cultura, através da Fundação Palmares, reconheceu o Quilombo Maria Conga como um dos 24 quilombos do Rio de Janeiro e o único da Baixada Fluminense. Em 2020 foi tema da Escola de Samba Acadêmicos da Rocinha, que resgatou sua história e a apresentou na Marquês de Sapucaí para todo o Brasil. Hoje recebe essa singela homenagem do piauiense Valciãn Calixto.

Confira o vídeo:

quarta-feira, 8 de julho de 2020

THE - Home Sessions v.2: Evento Solidário em prol dos profissionais do entretenimento

Não é nenhuma novidade que o mundo passa por uma enorme dificuldade sem precedentes. A forma de se relacionar e de interagir mudou. Na música não foi diferente. Músicos deixaram de prover arte, entretenimento e diversão. 



Foi pensando nisso que a agência XTAFF criou uma ação colaborativa para levar música para sua casa e ajudar músicos e profissionais do entretenimento de Teresina: o festival THE HOME SESSIONS. Os músicos nos divertem divulgando sua arte em uma transmissão pela internet, e você ainda pode contribuir concorrendo a prêmios cedidos por várias empresas parceiras!

A primeira edição aconteceu em 23 de maio e contou com André de Sousa, Martine Cadilac, Mariana Carvalho, Freitas Filho, Yuri, Daniel Hulk (Roque Moreira), Danilo Rudah, Quaresma (Validuaté), Giuliana Dias e Rigoberto Lima. Com as doações, ajudamos o Palácio da Música e um instituição privada de seguranças que está passando por dificuldades.

Nossa próxima edição acontecerá próximo sábado, dia 11 de julho, e pretendemos ajudar muito mais pessoas! Contará com a participação de: Ostiga Jr, Sebastião Lustosa (Tribuna de Rua), Tânia Nery, Nadedja (diretamente de Londres), Luana Campos, Flemeds (Fullreggae), Teófilo Lima, Brito Jr., Camille Rio Lima e Bia Magalhães (Bia e os Becks). Serão mais de 3 horas de transmissão, com 22 prêmios para o sorteio logo após as apresentações.

A transmissão será através do canal do youtube da XTAFF, usando o link: www.xtaff.com.br, e a colaboração pode ser feita através do Qr-Code já divulgado nas redes sociais ou pelo  whatsapp: 86994686882.

Acreditamos que a saída para esse momento difícil é a colaboração. É nossa palavra chave. Toda renda desse projeto é revertida a músicos e profissionais de arte, entretenimento e produção de nossa cidade.

Link da primeira transmissão: https://www.youtube.com/watch?v=kPWe4JhsDFc

Mais informações: http://www.instagram.com/xtaffonline

domingo, 14 de junho de 2020

Valciãn Calixto lança Korey Wise, sexta música de seu próximo disco

O piauiense Valciãn Calixto lançou neste domingo (14) o spoken word Korey Wise, Eu Te Amo, homenagem aos 'cinco do Central Park', que virou série no Netflix sob o nome 'Olhos Que Condenam' na versão brasileira.


A faixa, um dos interlúdios do próximo disco de Calixto, traz ainda um pouco do aprendizado e da reforma íntima vivida por ele desde que redescobriu a Umbanda há quatro anos, já que quando criança era levado a frequentar um terreiro próximo à casa de sua madrinha.

Entre reflexões e filosofias, o músico cita passagens bíblicas, entidades de Umbanda e a própria esposa, 3R1K0N4, já homenageada em canção homônima anterior, que também estará no Nada Tem Sido Fácil Tampouco Impossível, disco que deve chegar aos streamings neste segundo semestre de 2020.

De maneira bem intimista, Valciãn declama como quem conversa, tendo como tema de fundo um ponto de Capoeira cantado pelo Mestre Boa Voz, em mais uma clara referência à sua imersão no Afrocentrismo, que se evidencia ainda mais com a capa do single.

Confira o vídeo: