domingo, 1 de março de 2015

Sexta Nagô Especial 1 ano - Memorial Zumbi dos Palmares - 27 de Março



Nesta última sexta de março (27), o Memorial Zumbi dos Palmares vai comemorar um ano de existência da Sexta Nagô. 

A programação especial se inicia ainda durante a semana, reforçando a parceria com o ambiente acadêmico piauiense. Em uma convênio importante com a UESPI desde o começo de 2015 através do PARFOR, serão realizadas ao longo de toda a semana momentos de reflexão sobre a cultura negra dentro das instituições de ensino do estado, além de oficinas educativas no Memorial Zumbi dos Palmares. 

Dia 25 de março, às 9h da manhã será realizada uma Mesa Redonda sobre a Lei 10.639/03, que torna obrigatório o ensino da história e cultura afro-brasileira e africana em todas as escolas, públicas e particulares, do ensino fundamental até o ensino médio. A Atividade, que ocorrerá no auditório do Pirajá no campos Torquato Neto da UESPI, é uma ação faz parte de um esforço do grupo de cultura afro Afoxá em discutir mecanismos efetivos de aplicação da lei no estado do Piauí. 

Durante a semana, é possível visitar a exposição "Rostos e africanidades: um retrato da beleza negra feminina", com obras do artista plástico negro Haroldo Vieira, acontecendo no hall da sala de leitura professor Jhonatas Barros Júnior, na UESPI. Na sexta, a exposição ficará exposta durante o evento no Memorial. 

O Cine Tela Preta irá reunir vídeos produzidos ao longo do primeiro ano de existência da Sexta Nagô: desde vídeos de atrações artísticas que passaram pelo palco à reportagens, convidando a refletir sobre a memória e importância da continuidade de uma atividade cultural num espaço cultural negro negligenciado pelo poder público. 

PROGRAMAÇÃO ESPECIAL DA SEXTA NAGÔ 

15h: OFICINAS EDUCATIVAS voltada a alunos de escola pública com egressos da UESPI 

*Direitos Humanos nas Escolas, com Mona Vaz, formada em direito pela UESPI. 
*Extermínio da Juventude Negra, com Mona Muio, militante do Batuque Feminista. 
*Negro e Mídia, com Denilson Avelino, jornalista da TV Cidade Verde. 

18h: CINE TELA PRETA: 1 ano de Sexta Nagô 

20h: ATRAÇÕES CULTURAIS BLACK 0800 
Grupo de terreiro Luz da Esperança(Pai Chagas) 
Reação do Gueto 
A Irmandade 
Afoxá 
Ijexá 
Movimentação Capoeira 
Grupo de dança Filhas D'água com participação do grupo Tambor de Sereia 

Durante todo o evento, é aberto bar com gastronomia afro brasileira e lojinha com produtos à venda, além da exposição História do 8 de março, organizado pelo Batuque Feminista.

Seja o primeiro a comentar.

Postar um comentário